Foi aprovada a candidatura à Ação Chave I do Programa Erasmus+, no setor do Ensino Escolar (KAI), apresentada pelo Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria,  intitulada “Alargar horizontes para uma escola multicultural do século XXI”. Este projeto é composto por 24 mobilidades a vários países da Europa, nas modalidades Curso de Formação, Job-Shadowing e Missão de Ensino, associadas a temáticas diversificadas, de modo a que se possa dar cumprimentos aos objetivos propostos na candidatura.

Erasmus+1

ABERTURA DE CONCURSO INTERNO

Programa Erasmus+ -Ação Chave I -Setor do Ensino Escolar-KAI- Mobilidade Individual para fins de Aprendizagem.

Concurso INTERNO – Erasmus+

Critérios de seleção de Professores para cada uma das Mobilidades

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO KA1

Boletim de Candidatura às Mobilidades

Resumo do Projeto

Este projeto, intitulado “Alargar horizontes para uma escola multicultural do século XXI”, foi elaborado por 12 professores do agrupamento, de diferentes áreas disciplinares, que aderiram ao solicitado na circular nº 119/2018 e se disponibilizaram para elaborar a candidatura.

O projeto é composto por várias mobilidades a diferentes países da Europa, nas modalidades Curso de Formação, Job-Shadowing e Missão de Ensino, associadas a temáticas diversificadas, de modo a que se possa dar cumprimentos aos objetivos propostos na candidatura, definidos de acordo com as áreas de intervenção prioritária que foram estabelecidas, tendo em conta a realidade do agrupamento. Estas áreas de intervenção constam no quadro abaixo.

Objetivos

1- Desenvolvimento das competências linguísticas em língua estrangeira – aquisição de competências de comunicação que permitam a um maior número de docentes participar em projetos a nível europeu, nomeadamente eTwinning e projetos Erasmus + Chave 2 e intercâmbios, bem como fazer uma abordagem à implementação do ensino bilingue no Agrupamento;

2- Reforço dos conhecimentos, competências, motivação e confiança dos professores para melhor desenvolvimento das competências dos alunos, que poderão assim fazer face aos desafios do mundo atual, sentindo-se mais autónomos e parte de uma comunidade europeia de pleno direito, através do conhecimento e contacto com metodologias diferenciadoras e inovadoras;

3- Desenvolvimento de práticas que permitam melhorar o sucesso escolar dos alunos nas áreas das ciências, das artes e, em particular, na matemática, uma vez que é nesta disciplina que a taxa de insucesso é mais preocupante;

4- Melhoria das práticas de organização e gestão escolar, tendo em vista a implementação de métodos diferenciadores nesta área;

5- Reforço de laços entre instituições, de modo a alargar/fortalecer uma rede de instituições europeias que permita a longevidade dos projetos de cooperação;

6- Reforço dos conhecimentos, competências, motivação e confiança dos professores, para melhor desenvolvimento das competências dos alunos, de modo a oferecer as melhores soluções para a racionalização de energia, com recurso a fontes de energia renováveis, com vista a uma abordagem a nível da proteção ambiental, mais económica e sustentável.

Mobilidades KA1