Procedimento concursal de regularização extraordinária de vínculos precários destinado a assistentes operacionais

Procedimento concursal comum, com carácter de urgência, destinado ao preenchimento de três posto(s) de trabalho no Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria na modalidade de relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado, restrito a candidatos abrangidos pelo programa de regularização extraordinária de vínculos precários (PREVPAP)


Aviso de abertura do procedimento concursal de regularização extraordinária de vínculos precários destinado a assistentes operacionais


Ata n.º 1

Procedimento concursal comum de recrutamento para a contratação em regime de contrato a termo resolutivo para a carreira e categoria de assistente operacional


Nos termos dos nºs 2 e 4 do artigo 30.º, artigos 33.º a 38.º da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas (LTFP), aprovada pela Lei n.o 35/2014, de 20 de junho e do disposto no artigo 11.o da Portaria n.o 125-A/2019, de 30 de abril, torna-se público que, por despacho do Diretor do Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria, de 12 de agosto, no uso das competências que lhe foram delegadas por Despacho n.o 7151-B/2020 do Subdiretor-Geral, proferido em 14 de julho de 2020, publicado em Diário da República, 2.a série — n.o 135, Parte C, a 14 de julho de 2020, se encontra aberto, pelo prazo de 10 dias úteis contados a partir do dia seguinte ao da publicação do presente Aviso em Diário da República, o procedimento concursal comum para preenchimento de postos de trabalho para as funções correspondentes à carreira e categoria de assistente operacional deste Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria, na modalidade de contrato a termo resolutivo para a carreira e categoria de assistente operacional, tendo em vista a constituição de reserva de recrutamento, para assegurar necessidades transitórias, nos termos do artigo 32 da Portaria n.o 125-A/2019, de 30 de abril.



Lista de ordenação final dos candidatos

Obs.: É concedido o prazo de 10 (dez) dias úteis para audiência prévia de acordo com o artigo 28.º da Portaria n.º 125-A/2019, de 30 de abril.

Abertura de Concurso para o Grupo de Recrutamento 550

Nos termos do n.º 4 do artigo 39° do Decreto-Lei n.º 132/2012, de 27 de junho, com a nova redação dada pelo Decreto-Lei n.º 9/2016, de 7 de março, torna-se público que por despacho do Diretor do Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria, do dia 23 de setembro de 2020, se encontra aberto, pelo prazo de 3 dias úteis, a contar do dia 23 de setembro de 2020, o procedimento concursal para o preenchimento de 1 (uma) vaga na categoria de Professor.


Procedimento Concursal comum de recrutamento para a carreira e categoria de Assistente Técnico

Nos termos dos nº 2 e 4 do artigo 30.º, artigos 33.º a 38.º da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas (LTFP), aprovada pela Lei n.o 35/2014, de 20 de junho e do disposto no artigo 11.o da Portaria n.o 125-A/2019, de 30 de abril, torna-se público que, por despacho do Diretor do Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria de 22/07/2020, no uso das competências que lhe foram delegadas pelo Despacho n.o 7151-B/2020 do Senhor Subdiretor-Geral da Administração Escolar proferido em 8 de julho de 2020, publicado em Diário da República, 2.a série — N.o 135, de 14 de julho de 2020, se encontra aberto, pelo prazo de 10 dias úteis contados a partir do dia seguinte ao da publicação do presente Aviso em Diário da República, o procedimento concursal comum para preenchimento de 3 (três) postos de trabalho para as funções correspondentes à carreira e à categoria de assistente técnico deste Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria, na modalidade de relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado, a constituir por contrato de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado.


Errata ao Aviso de Abertura do Concurso para Assistentes Técnicos (Aviso de Abertura AT- Contratação por tempo indeterminado):

No ponto 13.3.3. (bibliografia necessária), onde se lê:

“Lei n.º 66-B/2017, de 28 de dezembro”

deverá ler-se:

“Lei n.º 66-B/2007, de 28 de dezembro”

9 de setembro de 2020

O júri do concurso.


Ata n.º 1 do júri do procedimento concursal:

Consulta de prova de exame e pedido de reapreciação


Consulta de prova de exame e pedido de reapreciação: modelos e prazos

1- Os modelos referentes ao processo de consulta de prova de exame e pedido de reapreciação encontram-se disponíveis em https://www.dge.mec.pt/modelos

 2- Os modelos referidos  em 1 devem, preferencialmente, ser preenchidos em formato digital,  e posteriormente devem ser impressos e assinados para apresentação na escola.

3-  O requerimento de consulta de prova é apresentado na papelaria da escola (das 8h00 às 17h50), ou enviado para o correio eletrónico para: consultaexames@aeaf.edu.ptno próprio dia ou no dia útil seguinte ao da publicação da respetiva classificação até às 17h30.  

4- A  cópia da prova realizada será facultada ao aluno na papelaria da escola no prazo máximo de um dia útil, após o requerimento.

5- O requerimento de reapreciação de prova é formalizado nos Serviços Administrativos, nos dois dias úteis seguintes, a ter sido facultada a cópia da prova ao aluno.

6- Chama-se a atenção para o rigoroso cumprimento dos prazos, após os quais  não serão aceites pedidos de consulta ou reapreciação de prova.

7- Para mais informações, deve ser lida a  Norma 2/JNE/2020.

O Diretor,

Manuel David Macedo Lourenço